Relato da Vila do RPG na World RPG Fest

Publicado: 30/07/2012 por Dmitri Gadelha em Eventos
Tags:,

INESQUECÍVEL! Essa é a palavra que mais se aproxima da experiência que vivenciei há pouco mais de uma semana, quando tive a chance ímpar de visitar Curitiba e comparecer ao World RPG Fest, que rolou nos dias 21 e 22 de julho, no centro de eventos da FIEP. O evento ofereceu aos mais de 3500 participantes muito RPG, boardgames, cardgames, wargames, videogames, exposições, mesas redondas e palestras.

Para enriquecer ainda mais a experiência, convidados mais do que ilustres se fizeram presentes: Tâni Falabello (autora do suspense vampírico Rosa Imortal); John Bogéa (autor dos RPGs Terra Devastada e Abismo Infinito, que também esteve presente aqui em Fortaleza, no FORPG); Claudio Pozas (ilustrador/escritor que já trabalhou para White Wolf e Wizards of the Coast); Eric Lang (designer dos boardgames Call of Cthulhu, Battlestar Gallactica e Game of Thrones); e Monte Cook (um dos designers do D&D 3ª Edição, autor de Ptolus e World of Darkness by Monte Cook).

Cheguei à Curitiba na fria noite de sexta (temperatura de três graus!!!) e fui recebido pelos meus conterrâneos Jeferson Kalderash (Paragons) e Moisés Saraiva (Cariri Fan). Na manhã de sábado, antes de nos dirigir ao local do evento, fomos receber nosso quarto comparsa, o carioca Fernando Pires (Del Angeles). Gangue finalmente montada, partimos para a FIEP, onde estava começando o World RPG Fest.

Evento bombando! Tinha gente bagarai!

O primeiro dia de evento já tinha começado quando chegamos, por volta das doze horas. Várias pessoas já estavam presentes, já jogando ou preparando mesas para começarem a  jogar. De imediato, curti bastante a forma como o local estava organizado, com as mesas de jogo dispostas ao centro, tendo os stands ao redor. Isso fez com que os jogadores de boardgames, cardgames e, é claro, RPG, pudessem confraternizar e trocar experiências de jogo. Após chegar, dei uma volta pelo local para poder trocar ideias com os presentes e ver o que já estava rolando. Tive a chance de conhecer pessoalmente alguns camaradas que eu conhecia apenas da internet e outros que ainda não conhecia, pessoas como Daniel Martins (Só Não Pode Tirar Um), Carlyle Sguassabia (Eu Gosto de Jogar), Eduardo Caetano (Rolista Independente), Guilherme Moraes (RetroPunk), Fabiano Neme (Redbox), Helio Greca (Rocky Raccoon) e Maria do Carmo Zanini (Devir). Aproveitei ainda pra tirar uma foto mais do que lendária, ao lado de vários amigos, alguns já citados acima, mais John Bogéa e Monte Cook!

Ainda no primeiro dia, participei do 2º Encontro Nacional de Blogs de RPG, que, infelizmente não estava tão cheio quanto o esperado, mas com certeza irá render frutos, pelo que pude notar no discurso dos blogueiros presentes. Logo em seguida pude conferir a palestra do meu amigo John Bogéa, onde o autor comentou sobre sobre a criação de seus jogos, principalmente o lançamento Abismo Infinito. Outra atração que eu esperava, por ansiar pelas novidades do mercado, era a mesa redonda com as editoras, em que estiveram presentes apenas Devir e RetroPunk, representados respectivamente por Maria do Carmo Zanini e Guilherme Moraes, que apresentaram algumas novidades e conversaram sobre o mercado RPGístico brasileiro. Mas a cereja do bolo ainda estava por vir! A palestra mais esperada do sábado – quiçá de todo o evento – foi a última da noite. Monte Cook parecia estar em casa, falando abertamente sobre sua carreira e experiência como jogador e game designer, inclusive se emocionando claramente quando falou sobre o eterno mestre Gary Gygax, mas quem esperou que ele falasse mais sobre D&D Next e sua saída do projeto acabou ficando apenas na vontade, pois trâmites jurídicos o impedem de tocar no assunto…

Da esquerda pra direita: Moisés Saraiva, Jeferson Kalderash, Fernando Del Angeles, Eduardo Caetano (abaixado), Monte Cook, Dmitri Gadelha (eu, hehehe) e John Bogéa.

Na noite de sábado rolou o já tradicional Buteco RPG, onde organizadores, convidados e público do World RPG Fest confraternizaram no Pepper’s Rock Bar. O próprio Monte Cook e Claudio Pozas estavam presentes e bastante acessíveis para aqueles que quisessem trocar uma ideia ou tirar uma foto. Foi um momento de descontração e conversa, regado a muita cerveja (ou bebidas não alcoólicas, pra quem é politicamente correto). Esse momento serviu pra aproximar ainda mais galera e várias polêmicas RPGísticas surgiram na mesa de bar. Coisas como “D&D 4E não é RPG” ou “Tolkien é o câncer do RPG”. Para manter a integridade dos responsáveis por essas frases, deixemos seus nomes “in off”, hehehehehehe… Enfim, como disse o comparsa Eduardo Caetano, “foi uma noite violentinesca!”

No domingo (devidamente de ressaca e óculos escuros, é claro), eu e a gangue chegamos à FIEP novamente por volta das onze da manhã. Muita gente já estava presente e muitos jogos, já rolando! Como eu havia me inscrito previamente para narrar o playtest de O Um Anel, o mais novo RPG tolkieniano que será lançado pela Devir ainda este ano, assim que cheguei fui à procura de uma mesa e jogadores. Com uma ajudinha básica da organização do evento, que anunciou no microfone a mesa, em menos de um minuto, já haviam voluntários para jogar. A narrativa fluiu bem e podemos testar o sistema de O Um Anel de forma satisfatória, e, diga-se de passagem, todos os jogadores curtiram bastante, apesar de acharmos que algumas informações a mais poderiam ter sido incluídas no manual de fastplay, para agilizar ainda mais essa experiência inicial. Em breve devo escrever algo a respeito do jogo por aqui, portanto, fiquem ligados.

Minha mesa de O Um Anel. Em breve, lançamento da Devir!

Apesar da mesa ter tomado bastante do meu tempo, ainda sobrou espaço pra curtir algumas palestras e jogos. Infelizmente não pude assistir a palestra sobre RPG e educação, que me interessava bastante, devido ao meu trabalho de professor, mas ainda consegui curtir muita coisa bacana. A palestra de Claudio Pozas foi um bate papo mais do que informal onde ele falou sobre D&D de uma forma bastante apaixonada e descontraída, relatando sua experiência de jogo e de trabalho, inclusive distribuindo uma verdadeira montanha de brindes! A outra palestra que mais me interessava no domingo era o papo com Eric Lang, criador dos boardgames Call of Cthulhu, Battlestar Galactica e Game of Thrones. Da mesma forma que Monte Cook, Eric contou sua trajetória como jogador e designer de jogos, comentando sobre seus projetos e dando dicas àqueles interessados em ingressar nesse mercado. A grande surpresa (ou não, para quem ficou ligado nos detalhes) de sua palestra foi o anúncio de que a Galápagos Jogos irá produzir a versão brasileira de Game of Thrones, jogo de Lang. Que venha o jogo dos tronos!

Ainda no domingo, tive a oportunidade de participar dos playtests do cardgame inspirado no RPG Terra Devastada. Cada jogador assume um dos personagens disponíveis e deve buscar uma forma de escapar de uma cidade infestada de zumbis. Em cada rodada, cartas de localidades vão sendo baixadas e os jogadores devem mover seus marcadores por elas até que encontrem a saída da cidade. Ao longo de sua rota de fuga, é possível explorar as localidades e obter cartas de itens que irão ajudar os jogadores a fugir. No entanto, muitas dessas cartas de localidade são também pontos de infestação, que geram a cada rodada uma quantidade variável de marcadores de zumbis, para infernizar a vida dos jogadores. E, como não poderia ser diferente em uma ambientação de Terra Devastada, temos ainda as cartas de dramas, que geram situações de tensão e crise para dificultar a vida dos jogadores. Tratando-se de uma mesa de playtest, acabamos após a partida trocando várias ideias com os criadores do jogo, Ramsés e Igor, dando nossa opinião e até mesmo sugerindo mecânicas para serem incluídas na versão final do game. Até mesmo Eric Lang pediu informações sobre o jogo e deu alguns palpites! Para finalizar o evento com chave de ouro, me juntei a uma verdadeira tropa e fomos comer pizza, onde, é claro, ainda rolou muita conversa sobre jogos, com direito a muito humor cearense, hehehehe…

Playtest de Terra Devastada Cardgame: TENSO!

Em suma, posso dizer o World RPG Fest foi um evento ÉPICO! Olhando como jogador, não tenho crítica alguma. Olhando como organizador do FORPG, também não vi nada que deixou a desejar! E por falar em FORPG, o WRPGF me trouxe muitas ideias que com certeza levarei aos camaradas de grupo para tentarmos aplicar em nossos eventos aqui em Fortaleza. Ano que vem farei de tudo para estar novamente presente, jogando, curtindo e confraternizando com os amigos RPGistas de todo o Brasil. Até o WRPGF 2013!

Se você quiser conferir outras visões do evento, leia os posts abaixo, de alguns blogs parceiros:

Paragons – Reporte World RPG Fest 2012

Só Não Pode Tirar Um – World RPG Fest

Eu Gosto de Jogar – World RPG Fest: Impressões Gerais

Eu Gosto de Jogar – Buteco RPG: Como foi esse ano

A Matilha – World RPG Fest 2012

Dmitri Gadelha

Ainda maravilhado com Curitiba e o World RPG Fest!

Comentários
  1. Opa postagem muito show parabens, aumentou ainda mais o meu ressentimento de não ter ido…hauhauhua

  2. feliperecka disse:

    A cada relato que eu leio eu reforço minha certeza que esse foi um evento inesquecível. Acho que foi um desses momentos em que o público em geral, editoras e autores descobriram que nosso mercado tem um futuro brilhante pela frente!

    • Valeu, Felipe! Ano que vem farei das tripas coração pra estar presente de novo, hehehehehe… E sobre o mercado, realmente é um momento ímpar! Tanto para os consumidores, editoras e game designers.

  3. Faltou mencionar aí o submarino que tomamos com o Samuca e o “joão Boga”! uhauahuahauhauha

  4. O report ficou massa como o evento e não poderia ser melhor definido se eu não fizer minhas as palavras do Eduardo Caetano.

    Opa, mas sobre o João Boga foi falado sim, é só conferir lá na minha postagem (finalmente fiz um report decente do evento): http://goo.gl/gsZx0

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s