Dica de Fim-de-Semana: Lanterna Verde

Saudações amigos! Hoje trazemos uma dica de fim de semana pra lá de especial, se trata de nada menos que um dos filmes mais aguardados dos últimos tempos: Lanterna Verde. Por meses seguidos houve uma grande apreensão por partes dos fãs em relação a este filme. Cada nova noticia, ou trailer, era visto com muita atenção e surpresa. Gerando milhares de boatos nos sites de cinema. Pela primeira vez um herói fora do time principal da DC Comics, leia-se Batman e Superman, ganha uma versão cinematográfica com direito a superprodução. O Lanterna Verde sempre foi um dos heróis mais queridos no universo da citada editora, porém, era compreensível a dificuldade de se produzir um filme do herói, e aqui entra uma característica inovadora no cenário deste filme. Pela primeira vez, temos a saga de um herói realmente trazendo um conflito galáctico! Isso mesmo. Em relação aos super–heróis, podemos classificá-los em dois tipos: urbanos e galácticos. Acontece que, até agora, mesmo heróis de nível galáctico, como Superman e Quarteto Fantástico (Marvel Comics), tiveram adaptações para o cinema os colocando frente ameaças urbanas. Em Lanterna Verde teremos sim a expansão deste conceito que, certamente, irá virar tendência. Tudo isso sendo possível graças aos milagres feitos pelos efeitos especiais que no filme estão simplesmente espetaculares!!

Criado em 1940, o Lanterna Verde não se trata de um herói, mas de uma ordem de defensores da galáxia. seus idealizadores Martin Nodell e Bill Finger tiveram que desenvolver um ciclo que envolvia toda uma entidade com diversas raças e diferentes culturas. E isso foi uma grande preocupação no filme. As mais variadas raças são muito bem retratadas na produção. Assim como as diferentes raças, a organização da Tropa dos Lanternas Verdes é o ponto central desta história. Sua hierarquia e ideologia parecem representadas fielmente, o que foi um dos pontos mais fortes para os fãs.

Sinopse

Em um universo tão vasto quanto misterioso, uma pequena, mas poderosa força existe há séculos. Protetores da paz e da justiça, eles são conhecidos como a Tropa dos Lanternas Verdes. Integrantes de uma irmandade de guerreiros que jurou manter a ordem intergaláctica, cada Lanterna Verde usa um anel que lhe garante superpoderes. Mas quando um novo inimigo chamado Parallax ameaça destruir o equilíbrio do poder do universo, seu destino e o destino da Terra repousam nas mãos do seu mais novo recruta, o primeiro humano a ser selecionado para a Tropa: Hal Jordan.

Hal é um piloto de testes cheio de talento e arrogante, e os Lanternas Verdes têm pouco respeito pelos humanos, que nunca detiveram as infinitas forças do anel antes. Porém, Hal é claramente a peça perdida de um quebra-cabeças e, junto com a sua determinação e força de vontade, ele tem uma coisa que nenhum outro membro da Tropa jamais teve: humanidade. Com o apoio da piloto e sua namorada de infância Carol Ferris, Hal precisa conseguir rapidamente dominar seus novos poderes e encontrar coragem para vencer seus medos, se quiser provar que não é apenas a única pessoa capaz de derrotar Parallax… mas também alguém com o potencial para se tornar o maior Lanterna Verde de todos.

Parallax

Bem mais que um simples homem atormentado pela loucura, desastre radioativo ou simplesmente pela sede de vingança, o vilão do filme é uma entidade galáctica, extremamente coerente já que o filme nos transporta a este cenário, finalmente explorado neste conceito de heróis no cinema. Parallax é uma entidade parasitária que se fortalece do medo. Quando o primeiro ser vivo foi tocado pelo medo, a entidade  nasceu, enquanto o terror se espalhava pelo universo, ganhava consciência e se alimentava. Preso, milhares de anos atrás, pelos guardiões do universo, Parallax consegue escapar e inicia uma jornada furiosa em busca de vingança, destruindo todo o sistema estelar. Alimenta-se de almas e ganha grande força a medida que se aproxima de Oa.

O Poder da Lanterna

A grande expectativa criada em torno do filme gerou uma infinidade de criticas ao longa, mesmo ele tendo estreado neste fim de semana. A maioria das criticas negativas foi em relação ao diretor Martin Campbell. Segundo os críticos, o diretor escolhido, por não ser fã de quadrinhos, perdeu uma das maiores características do personagem, a profundidade do mesmo. O filme foi centrado prioritariamente na ação, e no descobrimento das habilidades ganhadas por Hal Jordan. As criticas como toda avaliação, são totalmente centradas em opiniões tendenciosas. Vale a pena assistir ao filme aceitando que ele foi produzido para uma mídia diferente dos quadrinhos, e para apresentar a mitologia do herói ao grande público.

O Lanterna no RPG

Como falei acima, o universo do Lanterna Verde nos apresenta uma saga galáctica, algo que expande a possibilidade de um narrador de RPG a um nível infinito! Geralmente pensamos aventuras de super-heróis em escala urbana, com conflitos ocorrendo entre as ruas de uma metrópole, ou no alto de um arranha-céu. Ser um Lanterna Verde significa defender o bem comum de todos os moradores da galáxia. As ações do personagem serão regidas pelo bem dos outros. Esta mais que claro que este conceito, aplicado ao jogo Mutantes e Malfeitores abre um leque de possibilidades que acrescentará algo certamente novo e estimulante para sua campanha de Supers.

Sérgio Magalhães

Estudando para o vestibular dos Lanternas Verdes

Anúncios

2 comentários sobre “Dica de Fim-de-Semana: Lanterna Verde

  1. Embora não esteje entre minhas preferências do universo DC eu pretendo assistir ao filme. Uma boa dica para complementar este ótimo post é ver o videocat do Pipoca e Nanquin que aborda as principais HQs do heróis e escutar o podcast desta semana que virá com toda a história do personagem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s