Armas para Old Dragon: Espadas

Espadas, machados, arcos e uma infinidade de outras armas são  essenciais nos mundos de fantasia. No entanto, elas nem sempre representam a mesma coisa, tendo suas características próprias e que acabam influenciando na narrativa, especialmente nas mãos de um bom narrador. Em termos de regras, vocês irão perceber pequenas mudanças de uma espada para outra, conferida por sua confecção e equilíbrio. Hoje traremos somente uma pequena amostra de um futuro trabalho maior e mais completo para Old Dragon. O objetivo aqui é apresentar a diferença, tanto em termos de jogo, quanto a influência da arma no cenário de campanha. Portar uma espada nobre ou um arbach orc, pode fazer toda diferença no tratamento que um personagem terá em uma cidade humana ou no trato com outros povos, como os elfos. Nas próximas semanas teremos outras modalidades de armas e suas estatísticas e imagens. Nunca é demais lembrar que as estatísticas representadas neste post podem, e devem, ser modificadas para se ajustar ao seu mundo de jogo, caso seja necessário.

Arbach

Tamanho: Médio

Dano: 1d6 + veneno

Alcance: –

Iniciativa: +7

Preço: 3 peças de ouro

Peso: 1,5 kg

Esta é a lâmina maldita dos orcs! Esculpida pelas garras infames deste povo cruel e traiçoeiro, o arbach é o símbolo maior da destruição nas nações bárbaras e sanguinolentas que devastam as mais variadas localidades dos reinos de fantasia. Seu estilo tortuoso e lâmina, geralmente enferrujada, transparece a precariedade hábil na perícia de forja de seus criadores. Entretanto, unida aos golpes poderosos dos guerreiros orcs, esta peculiaridade confere a arma uma destruição profunda na carne do oponente. Em combate, os guerreiros costumam besuntar a lâmina com veneno, conferindo assim mais uma característica letal à sua arma. Mesmo sobrevivente ao ataque de um arbach, a vítima sofrerá, já no dia seguinte, os efeitos do veneno contido na lâmina da espada. Seu comprimento é um pouco maior que o de uma espada curta. O fio nunca é bem afiado, sendo seu dano cortante bem mais devastador que o corte limpo de uma espada humana.

Espada Assassina

Tamanho: Médio

Dano: 1d6+1

Alcance: –

Iniciativa: +8

Preço: 30 peças de ouro

Peso: 1,5 kg

Um pouco maior que a espada curta tradicional, esta peça guarda diversas semelhanças com a primeira, no entanto, sua maior diferença em relação a outra é sua estrutura. Mais fina e de lâmina levemente estreita, esta arma é usada especialmente por assassinos, guerreiros que prezam pela rapidez e eficiência em seus ataques. Seu tamanho médio varia entre 80 e 90 centímetros. O corte é bem mais mortal que as espadas comuns; graças a esta característica, o dano crítico da arma pode ser conferido por um 19 ou 20 em uma jogada de d20. Seu estilo peculiar e aprimorado dificulta imensamente sua disponibilidade. Somente assassinos podem vender armas deste tipo, ou armeiros bastante específicos que exigirão saber quem procura pela peça. Caso percebam que quem procura pela arma não é um assassino, ou indicado por um, irá negar a habilidade de feitura da peça.

Espada Bárbara

Tamanho: Grande

Dano: 2d6

Alcance: –

Iniciativa: +3

Preço: 5 peças de ouro

Peso: 4 kg

Distante das grandes civilizações e do requinte dos mestres ferreiros das cidadelas, os armeiros bárbaros seguem se instinto selvagem e forjam, no frio de suas cabanas isoladas em montanhas inacessíveis ou florestas sombrias, armas tão brutais e poderosas, que são capazes de defendê-los até mesmo das mais terríveis feras que vivem em seu ambiente hostil. A irregularidade da lâmina, larga e pesada, representa a falta de civilidade e ordem da sociedade em que vivem. Para os guerreiros que empunham estas imponentes espadas, o mais importante é a perícia em combate, e não a arma que se usa. Equilíbrio e leveza estão longe de seus anseios. A lâmina deve ser forte e resistente, capaz de destruir o inimigo com um único e devastador ataque. Durante o treinamento dos jovens bárbaros, os aprendizes já são incentivados a utilizar estas grandes espadas, fortalecendo assim seus músculos e agilidade com armas de grande porte. Isso explica a facilidade com que manuseiam estas espadas enormes em batalha. O tamanho da lâmina não é muito maior que o de uma espada longa, no entanto, a largura exagerada da folha de metal e suas irregularidades conferem a este item um peso e eficiência destrutiva bem maior que armas similares. Sua maior peculiaridade, entretanto, é o aumento do dano em caso de acerto crítico, que é multiplicado por x3 em caso de sucesso.

Espada Bastarda

Tamanho: Grande

Dano: 1d10

Alcance: –

Iniciativa: +2

Preço: 20 peças de ouro

Peso: 6 kg

O símbolo de um mestre em combate com lâminas. Manusear uma espada bastarda requer uma destreza surpreendente, excepcionalmente pelo tamanho, peso e equilíbrio da lâmina. A chance de acertar um golpe letal no inimigo com esta espada é bem maior do que usando uma arma comum, dada a extensão da lâmina e o alcance dos ataques. Nas mãos de um portador experiente, ter uma espada bastarda pode ser a diferença entre vencer ou morrer. Poucos iniciam seu treinamento com esta arma, portando por anos uma espada longa antes de manusear este item. Graças a estas características, esta lâmina permite ao portador acertar um ataque crítico com um 19 ou 20 em uma jogada de d20; além de acrescentar +1 ao dano. Caso seja manuseada com as duas mãos, o usuário ganha +1 no ataque e no dano comum.

Espada Curta

Tamanho: Pequeno

Dano: 1d6

Alcance: –

Iniciativa: +7

Preço: 6 pelas de ouro

Peso: 1,5 kg

Este tipo de espada é a mais básica, utilizada pela grande maioria dos soldados e/ou guerreiros com menos posses. Por seu tamanho reduzido são fáceis de utilizar, mortais, e bastante eficientes em ambientes mais fechados como masmorras ou ruínas. Pela facilidade de feitura e por ter menos metal empregado, são bem mais comuns em lojas de armeiros e feiras que as versões mais longas. Além de tudo isso, seu tamanho reduzido beneficia a rapidez do portador. Sua estrutura depende muito do responsável pela confecção da arma e da cultura de cada povo, mas geralmente possuem o mesmo peso e balanço.

Espada Larga

Tamanho: Médio

Dano: 2d4

Alcance: –

Iniciativa: +4

Preço: 8 peças de ouro

Peso: 3,5 kg

Esta espada de lâmina larga e pesada possui uma maior potência no corte que na perfuração. Isso se dá, pelo peso e espessura do corte, projetada para derrubar o inimigo ou destruir a armadura que este esteja usando. Guerreiros com grande força possuem, logicamente, uma maior facilidade na utilização deste tipo de arma; preferida por povos bárbaros e/ou montanheses. Seu porte representa vigor, coragem e determinação. Quanto mais larga e pesada a lâmina, mais poderoso e respeitado guerreiro. Os golpes são mais lentos, porém, mais devastadores. Seu tamanho varia entre 80 a 95 cm. Um golpe certeiro desta espada é bem mais mortal que o de uma lâmina normal, por isso, seu dano em caso de acerto crítico é x3 mais bônus de força.

Espada Longa

Tamanho: Médio

Dano: 1d8

Alcance: –

Iniciativa: +5

Preço: 10 peças de ouro

Peso: 2 kg

A espada longa é a lâmina mais utilizada pelos guerreiros que possuem um pouco mais de posses; geralmente capitães ou comandantes mais graduados das milícias de grandes cidadelas. O tamanho da lâmina torna a arma preferida pelos guerreiros, especialmente em combates travados em campo aberto. Um golpe em arco pode atingir mais de um oponente de forma mortal e mantém um raio seguro em torno do usuário. Seu porte é ideal para combate corpo-a-corpo, em lugar aberto, pois permite ao portador manter uma distância ideal do inimigo e permitir um arco de defesa bem mais eficiente que uma lâmina curta. O peso e tamanho também privilegiam a potência do ataque, sendo mais cortante e letal. O golpe de uma espada longa em um corpo desguarnecido de armadura pode cortar grande parte do tronco de um homem, ou decepar um membro com uma só investida.

Espada Nobre

Tamanho: Médio

Dano: 1d6+1

Alcance: –

Iniciativa: +9

Preço: 50 peças de ouro

Peso: 1,2 kg

A posse de uma espada nobre simboliza muito mais que a presença de um guerreiro em determinado local, e sim, a chegada de alguém notável, herdeiro de bens e de um nome a ser respeitado; além de ter em mãos um artefato extremamente bem confeccionado. A arma traz em seus detalhes, entalhados nela mesma, a história de seu dono: seja o brasão de uma família, ou a figura de um monstro poderoso morto pela lâmina da espada. Tanto o cabo quanto a lâmina são bem mais elaborados que as armas comuns, especialmente espadas curtas normais. O cabo é sempre mais confortável e o fio mais balanceado. A diferença entre esta peça e as armas vulgares é impressionante. Ela parece, inclusive, melhorar a perícia do usuário, devido a excelência em sua estrutura. Até mesmo seu peso é um pouco mais leve e o corte mais letal. Seu tamanho é de geralmente 90 centímetros.

Espada de Treinamento

Tamanho: Pequeno

Dano: 1d3

Alcance: –

Iniciativa: +8

Preço: 50 peças de prata

Peso: 1,5 kg

Esculpida em madeira esta espada é utilizada especialmente para o treinamento de jovens soldados. Seu peso é bem parecido a de uma similar de metal, tendo o objetivo de acostumar o usuário ao peso da arma durante seu manuseio. Alguns mestres só permitem que seus aprendizes usem estas peças durante os primeiros meses de treinamento. Embora não seja cortante, pode ser eficiente em uma luta, até mesmo contra armas metálicas, dada a natureza resistente da madeira utilidade em sua confecção. Seu dano é por concussão e letal em mãos habilidosas. As formas são bastante parecidas com as versões metálicas, podendo confundir um oponente mais distante do portador.

Florete de Mago

Tamanho: Pequeno

Dano: 1d4

Alcance: –

Iniciativa: +10

Preço: 15 peças de ouro

Peso: 800 gramas

Praticantes das artes arcanas são conhecidamente desastrados no uso de armas comuns aos guerreiros. Seu poder mágico acaba sendo, ao longo do tempo, bem mais devastador que o corte de qualquer espada. No entanto, magos iniciantes possuem poucas magias e, em combate, não é comum que elas acabem rapidamente, deixando o arcano sem maiores defesas. Para ajudar estes aprendizes no inicio de seus estudos, foi desenvolvido para estes aventureiros uma espada bem mais curta, leve e discreta que as lâminas de combate para guerreiros. A arma tem formato de florete, um tipo de espada que só causa dano por perfuração. Além disso, por ser metálica, ela também é eficiente na defesa do usuário. Seu tamanho varia entre 75 e 90 cm. Feita especialmente para estes usuários em comum, a peça não é tão comum, e quando encontrada, sempre possui adornos excepcionais e é bem mais leve do que aparenta. Sua constituição também permite ao mago manusear a arma bem mais rápido e desferir golpes mais precisos. Isso ajuda na iniciativa da espada, tornando seu uso mais fácil que outras lâminas pesadas.

Rondrakamm

Tamanho: Grande

Dano: 1d12

Alcance: –

Iniciativa: +2

Preço: 15 peças de ouro

Peso: 6,5 kg

Espada de grande porte com lâmina repleta de ondulações, confeccionada desta forma para agravar o dano contra armaduras, especialmente feitas de couro. Seu tamanho médio varia entre 140 a 175 cm. Seu uso é restrito a líderes de grandes ajuntamentos bárbaros, pois requer muita força e um tamanho elevado para que seu manuseio seja eficiente, ou seja, em termos de regras, requer que o personagem tenha o atributo Força 18 ou mais. Nas mãos de um guerreiro experiente esta lâmina é de extrema eficiência em combates em campo aberto. Um golpe em raio é capaz de atingir mais de um oponente de forma destruidora, além de causar danos irreversíveis à proteção do inimigo, principalmente quando o alvo usa armaduras mais leves como corselete de couro ou gibão de peles. Graças ao seu tamanho elevado, peculiaridade da lâmina e peso da arma, o dano da mesma é x3 em caso de acerto crítico. Além disso, este acerto se dá em um resultado 19 ou 20 em uma jogada de d20.

Sabre

Tamanho: Médio

Dano: 1d6

Alcance: –

Iniciativa: +7

Preço: 8 peças de ouro

Peso: 1,5 kg

Espada longa de lâmina curva é geralmente usada por espadachins que dedicam grande parte de seu talento para aprimorar sua perícia com armas de corte. Seu porte exige uma elegância e aprimoramento intrínsecos ao uso da espada. Embora possua fio para dano por corte, os golpes preferidos são os perfurantes. O portador de um sabre deseja eliminar o inimigo com um único e certeiro golpe, o coração é o alvo preferido. Por esse motivo, um acerto crítico com esta arma causa um dano bem mais agravado; em termos de regra seu dano em caso de acerto crítico é x3. Considerada uma arma exótica, sempre desperta interesse por onde quer que passe. Guerreiros tradicionais, principalmente bárbaros, consideram seu uso essencialmente feminino, mas homens com porte físico leve preferem este tipo de espada que permite uma vantagem maior contra a força de lâminas maiores e mais pesadas.

Sabre de Pirata

Tamanho: Médio

Dano: 1d8

Alcance: –

Iniciativa: +6

Preço: 2 peças de ouro

Peso: 1,8 kg

Este sabre possui a lâmina bem mais larga que uma arma deste tipo normalmente, além de não ser curvado.  A folha é larga e reta e o fio frontal é super afiado! A estética da espada é perfeita para os piratas e/ou corsários que a utilizam. O equilíbrio e precisão da arma são perfeitos para lutas em alto mar, proporcionando ao usuário leveza e flexibilidade, perfeitos para as peripécias utilizadas em combate, principalmente em algum convés ou porão de navio. A única coisa que lembra um sabre normal é o cabo, sempre bem ornado e forte, para proteger os dedos do portador. O peso desta arma é bem mais leve do que parece, variando entre 1,20 e 1,80 kg. Pelo estilo de luta praticado pelos piratas que usam normalmente este tipo de lâmina mortal, o dano desta arma aumenta um pouco em caso acerto crítico; em termos de regras o dano além de x2, ainda tem o bônus de força dobrado. Isso ocorre porque os corsários que lutam com este sabre procuram sempre estocar uma parte letal do inimigo, tentando, o mais rápido possível, vencer o desafio e fugir para o navio mais próximo.

Bem aventureitos, por hoje é só, mas como disse no inicio desse post, aguardem, em breve, por mais armas e por um material bem mais completo futuramente. Por enquanto divirtam-se com este pequeno arsenal e matem alguns inimigos!

Sérgio Magalhães

Só golpeia com Rondrakamm!!!

Anúncios

4 comentários sobre “Armas para Old Dragon: Espadas

  1. Opa, valeu o comentário!

    Quanto ao tamanho, você diz a escala em centimetros? Várias delas trazem esta estatística e todas tem a escala básica de Old Dragon, que divide as armas em pequenas, médias e grandes.

    Abraço

  2. Sim em centímetros. Podia ter em todas para podermos comparar melhor uma com a outra. Acho que isso não deve ser muito trabalhoso, já que você mesmo disse que algumas já têm.

    Mas detalhes a parte, está de parabéns pela descrição das espadas!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s