Diário de Campanha: Sangue e Glória – Tormenta RPG (3ª Sessão)

Salve, aventureiros! Como já está se tornando regular aqui no blog, venho trazer o relato semanal da campanha Sangue e Glória. Se você não leu as postagens anteriores, sugiro que dê uma lida rápida para se inteirar melhor do enredo. Futuramente, quando a história estiver mais adiantada, irei começar os relatos com um pequeno resumo, mas como ainda estamos bem no início, é melhor que dê uma visitada nos outros posts para visualizar melhor a saga, certo? Esta semana não tivemos nada sobre os prometidos suplementos da história, mas, próxima semana, certamente, teremos algo sobre o Arauto de Keen, sua história e reais motivações.

Como no sábado anterior, neste, quando se passou a aventura, evidentemente, tivemos pouco tempo para jogar (cerca de 3 horas apenas) e a maioria deste foi usada para diálogos, especialmente, com os novos personagens (jogador e PdMs). Isso acabou não dando muita mobilidade, mas, certamente, irá compensar no futuro. Era necessário que informações que giram em outros locais fossem conhecidas pelos personagens, e isso levou um certo tempo para ser introduzindo no enredo. Ainda tive que incluir um novo personagem na campanha, tendo, portando, que narrar sua entrada e motivação para se incluir naquele problema em específico.

Bem, o relato está aí, espero que gostem e, se possível, comentem, ok? Sempre ajuda saber o que a galera está achando.

Relato

Baldo Galdor - Prefeito da Cidade de Landor

O resto de madrugada, quando os aventureiros finalmente podem descansar após dias de uma árdua viagem e alguns confrontos, não passa inteiramente tranquila. Todos sentem o cansaço se apossar de seus corpos, assim como os ferimentos ainda não totalmente curados. Nyx, clériga de Tenebra, percebe que Allania, a clériga de Marah, passou a noite praticamente em claro; sua visão perdida denunciava o imenso pesar da jovem sacerdotisa em ter presenciado tamanha destruição e morte. Pela manhã todos descem até a taverna, localizada abaixo dos quartos onde dormiam, e tomam o desjejum, até que Galdor, prefeito de Landor, entra no recinto. Ele conversa com os aventureiros sobre os ataques da noite anterior e afirma ainda não saber o real motivo da praga e se ela tem alguma ligação com o Arauto. Allania e Icarus afirmam que a água pode ser o motivo da doença estar se alastrando no vilarejo. Na noite anterior, ambos perceberam uma cor estranha, rubra, resplandecendo no fluido que saía da fonte central da cidade.  Diante disso, o grupo decide investigar a fonte do rio que alimenta a cidade. Ela começa em algumas colinas ao norte, bem conhecidas por Nítak, o ranger. Enquanto conversavam, a jovem sacerdotisa percebe características da praga no mago Icarus! Logo, todos os aventureiros passam por um rápido exame de Allania, mas, ao que parece, somente o arcano contraiu a doença.

Ainda durante a conversa matinal, Allania demonstra sua inquietação com as mortes causadas pelos personagens na noite anterior. Mesmo após as criaturas terem se revelado humanos, e habitantes de Landor, eles foram, depois de derrotados, assassinados pelos aventureiros, e isso atormentou profundamente o espírito da jovem clériga da paz. Diante disso, os heróis prometem ter mais cuidado se voltarem a enfrentar seres infectados.

Pouco tempo depois, no próprio vilarejo, o grupo encontra dois inusitados personagens: Kaliel, um bardo e Kazuia Muchima, um samurai de Tamu-ra. Os dois conversavam com Galdor, do lado de fora da taverna, um pouco antes de se encontrarem com os personagens. Apresentados aos dois visitantes, logo o bardo diz ter algumas informações sobre Arauto de Keen. Ele afirma estar viajando à procura de informações sobre problemas específicos do reino e, com isso, descobriu algumas coisas sobre o cavaleiro que ataca o oeste de Tyrondir. Pelo que dizem, ele pretende declarar guerra ao reino e, para isso, estaria reunindo um exército involuntário de soldados. Isso poderia, de certa forma, estar ligado à praga que infesta a região. Contam por aí, que ele já se apoderou de algumas cidades mais ao sul de Landor e estaria avançando cada vez mais, à medida que suas fileiras crescem.

Kaliel

Diante disso, os aventureiros chegam à conclusão que é de máxima urgência verificar se realmente é a água que esta infectando a região, pois a praga pode ser um meio de se criar novos soldados para o exército do cavaleiro negro. De posse destas informações, o grupo parte do vilarejo acompanhado por seu novo integrante, o samurai. Mais ao norte, próximo às colinas onde nasce o rio, o grupo atravessa um bosque cerrado e de terreno bastante irregular. Se esgueirando entre as árvores, Nitak vai à frente e percebe rastros de um pequeno contingente descendo a colina. Um pouco mais a frente, o ranger acha a entrada de uma caverna. Seguindo dentro do túnel, os aventureiros chegam à uma fissura que sobe, sendo este o único lugar por onde podem seguir. Usado sua habilidade incrível, Kazuia escala o paredão rapidamente e joga uma corda para auxiliar os companheiros.

A partir daí uma verdadeira jornada começa para subir o paredão úmido e inteiramente sem fissuras onde se apoiar. Mirligrik sofre uma queda horrível, ferindo-se mortalmente. Cada um que sobe tenta ajudar os companheiros, mas o chão lodoso não permite que muita coisa seja feita. Passado um tempo considerável, a maioria dos heróis consegue subir, embora arranhados e exaustos pelo esforço, menos Albert, o bardo. Durante sua subida, nos últimos metros de escalada ele acabou se desequilibrando e caindo para a morte! Vencido o desafio, Allania fica durante algum tempo orando pelo companheiro morto, mas consegue, passados alguns minutos, restabelecer a força e seguir viagem rumo à escuridão da colina…

Conclusão

Bem, como citei na introdução, o relato de hoje foi um pouco mais curto, especialmente devido aos longos diálogos ocorridos na sessão e ao tempo reduzido. Muito do que foi introduzido sobre a trama, especialmente através do bardo Kaliel, será repassado através dos posts extras sobre a campanha, por isso não estão contidos aqui. Espero que tenham gostado e não deixem de acompanhar as constantes novidades.

Sérgio Magalhães

Clérigo de Khalmyr! Ocasionalmente…

Anúncios

13 comentários sobre “Diário de Campanha: Sangue e Glória – Tormenta RPG (3ª Sessão)

    1. Foi araujoEdmar! Quem disse que ser aventureiro em Arton é fácil? E olha que quase tiveram outras. Teve personagem saindo do desafio todo arrebentado.

  1. Ah meu bardo morreu!!!! Qndo criei esse bardo pensei e usei como referência o bardo do asterix e obelix, o chatonix. Tbm pensei no eric do caverna do dragão com sua prepotência cômica, qria um personagem interpretativo, tanto que só escolhi magias interpretativas sem me preocupar com dano ou suport q ja existiam personagens na mesa pra isso. Mas o pessoal da mesa me assustou um pouco pois saiu da interpretação e a maioria pego corda e raiva de verdade.. kkkk.. mas se a minha interpretação despertou sentimentos reais, fico feliz, ela deve ter sido mto boa mesmo… hauhauhau… teve ate personagem neutro que virou caótico mau durante a seção… kkkkk.. qnto a mesa o mestre é só elogios, boa história, tudo excelente e organizado, o mestre do jogo é dedicado e tem meu reconhecimento qnto a isso… os diálogos valeram mais q 1 zilão d batalhas, essa última seção foi de mais, valew. Contudo agora o grupo esta com 7 jogadores, e por mais q eu goste dessa mesa ela ta mto cheia e conseqüentemente esta demorada e meio travosa… assim, se ninguém for sair e se não for criar outra mesa, mesmo não qrendo, vou deixar a mesa “sacrificado-me” pela melhor andamento e diversão da maioria. Agora q ia faze um tauren bárbaro estilo conan… ate joguei com ele no old dragon day do último sábado.. hAuahau..só q desse personagem todo mundo gostou….. kkkk… vcs ainda não virao meu pirata druida do mar viciado em ópio.. kkkk… abraços

  2. É impressão minha ou morreram dois nessa caverna? Caramba! =P

    Esse mistério do Arauto vai ficando mais terrível a cada coisa que os heróis descobrem. E eu tô aqui acompanhando, sempre acompanhando! Continue!

    1. Não Dan, apenas o bardo morreu.

      Mirligrik, o Anão-Monge, saiu muito ferido, assim como Alania (PdM) também. Este desafio de perícia se provou bem mais perigoso que todos os combates até aqui. A galera ficou tensa mesmo com a possibilidade de perder o personagem com uma queda mortal, no entanto, logicamente, os PJ´s com menos habilidades manuais sofreram por não terem atributos fisicos desenvolvidos e enxergaram que, embora muito fortes em combate, são fracos frente a desafios mais simples, porém, igualmente letais.

      Quanto a Arauto teremos novidades ainda esta semana!

      Abraço

  3. A cronica esta mto boa, acho que o unico problema é o excesso de jogadores mesmo, eu tava pensando em manter a minha mesa, a qual abri esse sabado devido ao Old Dragon Day, levar 2 jogadores comigo pra mesa, caso isso nao cause problemas na cronica do Sérgio!

    1. Nova mesa de Tormenta RPG!!

      Isso mesmo galera, o Leonardo vai abrir uma nova mesa, então duas vagas foram abertas na crônica. Legal ver os jogadores empolgados com o cenário.

      Agora é adaptar o enredo para explicar a saida destes jogadores e incluir os novos, mas isso é o de menos. A campanha continua sem maiores alterações na trama.

  4. Ate q essa reviravoltas tem efeitos positivos… primeiro q vai deixar o enrredo interessante, vai da uma reviravolta na história do grupo… segundo q agora temos a oportunidade de balancear e equilibrar o grupo conversando com os q irão se agregar… e ver o q mais ta faltando dentro desse grupo… abraços

  5. 7 jogadores, grupo grande heim? me lembra da época da minha infância mestrando pra muitos jogadores ao mesmo tempo, =)

    Eu até que gostaria de me inscrever pra jogar algo, mas quem me conhece sabe que é comlicado ir todo fim de semana(principalmente agora no final do ano), quem sabe na proxima oportunidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s